A primeira referência histórica do surgimento do município data de junho de 1758 através da doação que Gomes Freire de Andrade fez ao Coronel Tomás Luis Osório das terras que ficavam as margens da Laguna dos Patos. Em 1780, é fundada junto às margens do Arroio Pelotas a primeira charqueada. O sucesso do estabelecimento, favorecido pela localização estimulou a criação de outras charqueadas e o crescimento da região, dando origem à povoação que marcou o início da cidade. A condição de freguesia foi instituída em 07 de julho de 1812, a posteriormente a vila em 07 de julho de 1832 e o título de município em 1835. Seu nome deriva das embarcações de vara de corticeira forradas de couro, que na época eram utilizadas para a travessia de rios e arroios. Os pelotenses absorveram a cultura européia através do constante contato, possibilitado pela exportação do charque. O título de Capital Nacional do Doce provém da influência portuguesa, além de outras etnias.

Nada foi encontrado

Sinto muito, mas nenhum resultado foi encontrado. Talvez fazer uma pesquisa ajudará a encontrar uma postagem relacionada.